06 agosto 2019

Resenha: Através do Vazio - S.K. Vaughn

em 06 agosto 2019

14 comentários


Em Através do Vazio, ficção científica e suspense se misturam, construindo uma trama complexa e emocionante que mantém o leitor envolvido até a última página.

É Natal de 2067. Os acordes de uma música natalina ecoam pelas ruínas de uma espaçonave que flutua pela escuridão. Lá dentro, May desperta lentamente ― a única sobrevivente de um acidente desastroso na primeira viagem tripulada a Europa, a lua de Júpiter. Sozinha no vazio do espaço, em uma nave caindo aos pedaços, May tenta desesperadamente reencontrar o caminho para a Terra. A única pessoa capaz de ajudá-la é Stephen Knox, um cientista brilhante da Nasa... e um homem que ela magoou profundamente antes de partir.

Enquanto ela batalha pela própria sobrevivência e sinais de sabotagem começam a vir à tona, a voz de Stephen parece ser a única coisa capaz de atravessar o vazio insondável do espaço e levá-la de volta para casa em segurança.



Ficha Técnica Da Obra
Páginas: 376 | Ano: 2019 | Idioma: Português | Editora: Suma | ISBN: 9788556510839 | Gênero: Ficção científica / Literatura Estrangeira / Suspense e Mistério | Skoob


Compre: AMAZON  SUBMARINO AMERICANAS 




"O espaço era extremamente inclemente. No espaço não existiam  problemas pequenos. Cada minuscula rachadura que passava despercebida tinha o potencial de se transformar em um buraco escancarado, faminto por vidas humanas. Pela vida de May."

Tudo começa no ano de 2067 em uma missão da NASA para Europa, uma das luas de Jupiter. Nela a comandante May irá levar uma equipe para Europa para coletar amostras do planeta, mas algo dá errado no processo e May acorda dias após a decolagem, em uma cápsula médica sem memória, sozinha e com a nave entrando em pane.

May não tem ideia do que aconteceu com ela ou com os outros 26 triplamente que compunham sua equipe, pra piorar a IA que deveria guardar todos os registros da nave também estava desabilitada. Sem conhecimento técnico nenhum para reparar a nave, May terá que contar com a ajuda da IA para tentar sobreviver e entrar em contato com a equipe na Terra, mas parece que quando mais ela progride mais problemas aparecem, problemas tão sérios que podem colocar sua vida em risco.

Através do vazio é um livro de ficção científica com ar de filme, não me surpreenderia se daqui algum tempo fosse feita uma adaptação dele, pois toda a história segue de uma maneira que você se sente assistindo um filme, vendo aquelas cenas fantásticas do espaço e de May tentando sobreviver a todo custo.

Eu tenho zero conhecimento sobre o espaço, astronomia e coisas do tipo, e ainda assim consegui me inteirar completamente na história, porque a escrita do autor é fácil, e a trama é daquelas que tira o fôlego do leitor. Mas, para quem tem algum conhecimento imagino que a história seja ainda mais eletrizante, pois assim quite contei algumas coisas sobre o livro pro meu marido que é super fã do gênero ele já conseguiu se localizar ali no espaço e criar mil teorias sobre a história hahaha.

"Você quer ser o herói, como todos os homens, e não enxerga que eu não preciso de um herói. Eu sou a heroína. Eu."

O livro é narrado em primeira pessoa por May e Stephen, e em alguns capítulos vamos conhecer o passado deles para entender como eles acabaram ali, a que pé está o relacionamento deles é como todos os personagens ali se interligam. Isso acaba se tornando bem importante para a história já que May está sem memória, e conhecer tais detalhes de sua vida faz com que fiquemos mais perto dela e também que entendamos seus sentimentos conflitantes por Stephen.

Enfim, vou parar a resenha por aqui para não dar nenhum spoilers por vocês, mas posso dizer que essa é um leitura muito interessante, mesmo para quem não é acostumado com o gênero de ficção científica. Essa é uma história cheia de reviravoltas, ação e teorias da conspiração, e mesmo tendo ficado meio boiando nos primeiros 20% do livro, quando me envolvi com a história não conseguia mais parar de ler ou de pensar nela, e quando terminei só conseguia pensar no quando ela daria um filme incrível. 

“Os psiquiatras da Nasa sempre disseram que não existia lugar mais solitário do que o vazio do espaço. A mente humana não foi concebida para compreender a expansão infinita do universo e o silencio frio e absoluto do vácuo.”



14 comentários:

  1. Fiquei interessada no 2067 afhei curioso um futoro distwnte para nós e uma missão da Nasa.. Bem curioso e como você disse tem tudo psra ser um filme, a história pede isso.
    Assim como você não tenho conhecimento de astronomia, mas sempre é bom ler algo diferente do que estou acostumada

    ResponderExcluir
  2. EU AMO LIVROS DE FICÇÃO e meu deus quero ler esse pra ontem. Se eu consegui imaginar toda a cena dela perdida no espaço apenas com a resenha, imagina se eu estivesse lendo. Sou fascinada por histórias do tipo, então já é mais um livro para a minha lista. Espero que quando o ler, tenha uma experiência tão boa quanto vc. E sim, tem muito cara de filme de Hollywood, não duvido também que adaptem para as telonas.

    Abraço,
    Larissa | Parágrafo Cult

    ResponderExcluir
  3. Realmente pela sua resenha é uma história com toda pinta de adaptação. Gostei bastante do enredo e também da capa, linda demais. Durante a leitura me envolvi com a trama, a ponto de calcular quantos anos eu teria em 2067 e como estaria terra kkkkk Adorei sua dica!!

    ResponderExcluir
  4. AAAAAH que amor! Quero ler esse livro também. *-*
    Achei muito interessante a sua resenha e vou anotar essa dica na minha lista de próximos livros para comprar. <3

    ResponderExcluir
  5. Nem preciso dizer que já adicionei a obra na minha lista de desejados, né? Gostei muito da proposta, amo ficção cientifica e esses elementos de suspense. Sem dúvidas quero dar uma chance

    Sai da Minha Lente

    ResponderExcluir
  6. Amei conhecer esse livro pelo seu post! Gosto muito de livros que falem sobre viagens ao espaço, então esse já vai pra minha lista de desejados. Ótima resenha!

    ResponderExcluir
  7. Oi Sa!

    Eu li essa resenha pelo IG de vocês, mas vim aqui comentar também. Então este não é um livro particularmente atrativo para mim porque honestamente não estou numa vibe de sci-fi e mesmo com você tecendo comentários favoráveis à trama realmente não consigo me ver lendo, mas com certeza vou anotar a dica para um momento em que quiser ler algo do gênero!

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  8. Oie, tudo bem? A premissa desse livro é bem interessante. Lembrei um pouco o filme Marte com o Matt Damon. Deve ser difícil passar por uma situação dessas praticamente sozinha e ainda sem saber o que realmente aconteceu. É legal quando o autor mescla o passado dos personagens nos fazendo compreender ainda mais a história. Fiquei pensando como ela irá passar por tudo isso sem memória. Um abraço, Érika =^.^=

    ResponderExcluir
  9. Não conhecia esse livro, acho que por não ser ligada em ficção científica, mas achei a história super interessante e já quero saber qual o desenrolar da história. Concordo com você, pelo pouco que contou da história, também acho que daria um excelente filme!

    ResponderExcluir
  10. Não conhecia esse livro e estou totalmente encantada com o desfecho! O fato de ser ficção científica já me conquistou e com um ar de filme... ainda mais! Adoro narrativas assim. Já vou colocar na minha listinha.

    Beijos,
    www.psamoleitura.com

    ResponderExcluir
  11. Estou muito curioso para saber dessa história na íntegra agora,pois é um gênero que me agrada demais. Anotei a dica para ler em breve.

    ResponderExcluir
  12. Oi, tudo bem?
    Eu não conhecia esse livro ainda, mas parece ser uma leitura muito interessante. Não tenho o hábito de ler ficção científica, mas de vez em quando me arrisco a ler o gênero e esse parece ser um que eu leria. Aliás, adorei saber que a escrita do autor é fácil de compreender e que a trama é tão envolvente.
    Adorei a resenha e com certeza vou anotar a dica.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  13. Olá, tudo bem? Não conhecia a obra mas achei a premissa muito interessante, mesmo não lendo muita ficção cientifica, fiquei tentada a conhecer a obra e me aventurar por essa história.
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  14. Olá, tudo bem?
    Eu quero ler esse livro, o problema é que está bem caro o livro físico, mas espero logo conseguir. Outra coisa, vi que as notas no goodreads e críticas não são muito favoráveis. Gostei da resenha e de saber que é um livro de fácil compreensão.
    Abraço!

    ResponderExcluir

TOPO