12 abril 2019

Resenha: Nunca Jamais (Never Never # 2) - Colleen Hoover& Tarryn Fisher

em 12 abril 2019

6 comentários

A segunda parte do suspense romântico de tirar o fôlego “Nunca Jamais” Um garoto abre os olhos e sequer se lembra que seu nome é Silas. O telefone toca... “Encontrou ela?”, pergunta a voz do outro lado da linha. Quem é ela? Quem sou eu? Charlie se vê presa em um lugar parecido com quartos de hospital (ou de um manicômio). Também não se lembra de nada, nem sequer do próprio rosto. O tempo passa e ninguém vem salvá-la. Ela precisa escapar por conta própria. Aos poucos, os dois descobrem que vêm perdendo a memória em períodos cíclicos. E também que se amam imensamente. Numa corrida para descobrir a razão dos apagões em suas memórias, Silas e Charlie acabam descobrindo muito mais sobre si e os mistérios que envolvem suas famílias. Mas muito em breve vão esquecer tudo de novo. E precisam estar juntos para evitar o pior.



Ficha Técnica Da Obra
Páginas: 144 | Ano: 2017 | Idioma: Português | Editora: Galera Record | ISBN: 9788501108067 | Gênero: Ficção, Romance Skoob | Livro de acervo pessoal da blogueira


                                
                                   Compre: AMAZON SUBMARINO AMERICANAS
                    
                                    

Depois de 84 anos eu li a continuação desse romance louco das rainhas Collen e Tarryn, e olha, mesmo a cada volume a história ficando mais doida, eu estou louca pra descobrir o final dessa trilogia.

No volume anterior conhecemos a história de Silas e Charlie, dois jovens que eram namorados e tem uma história juntos, mas que de alguma forma estavam passando por mudanças nos últimos tempos. Mas algo aconteceu à eles e eles estão perdendo a memória a cada 48h, eles não se lembram de quase nada, e quando estão prestes a descobrir algumas pistas tudo se apaga...

No segundo livro voltamos à história da perda de memória, a única diferença é que agora Charlie está desaparecida, e Silas foi o último a vê-la, mas não se lembra de nada de aconteceu nas últimas horas. Silas então terá que partir em uma busca por pistas para tentar descobrir onde Charlie está, e quem sabe assim descobrir o porque continuam perdendo a memória sem parar.


Assim como o primeiro livro esse também é curtinho, e acaba na melhor hora hahah. Eu odeio muito isso, e espero que um dia a editora publique a nova edição dessa trilogia com os três livros juntos, pois continuo batendo na tecla que as autoras foram bem doidas de lançar 3 livros separados de menos de 150 páginas.

Pra quem acha que o segundo livro é uma fraca repetição se engana, Silas como está sozinho e precisa encontrar Charlie acaba descobrindo muitas coisas sobre a vida dos dois, das suas famílias e mais sobre eles mesmos, e isso é muito interessante pois podemos ir criando teorias do que pode ter acontecido à eles para essa loucura estar acontecendo.

Não dá pra falar nada pra vocês sobre o que acontece, do que eu mais gostei por tudo é spoiler aqui minha gente, mas posso dizer que se gostaram do primeiro vão gostar desse também, e quando terminarem vão precisar do terceiro pra descobrir logo qual é a da perda de memória, e conhecendo a escrita da Tarryn, esperem algo bem louco daí! Hahaha


6 comentários:

  1. Preciso ler esse livro.
    Vou deixando, deixando e deixando e nunca compro.. Eu acho muito instigante a história de Silas e Charlie
    Uma pena que para evitar spoilers tu foi breve em suas palavras, mas entendo, ás vezes falar menos é melhor hahahaha.

    ResponderExcluir
  2. Aguenta coração que a terceira parte está chegando! hahaha Li os dois primeiros livros e me apaixonei muito! Minha curiosidade foi tão grande após finalizar o segundo que tive que ler em inglês mesmo a terceira parte :x olha... eu adorei o desfecho e o porquê de todos os acontecimentos. Espero que se apaixone.

    Beijos,
    Blog PS Amo Leitura

    ResponderExcluir
  3. Oi Aline.

    Adorei sua resenha, pois tenho muita curiosidade neste suspense romântico, porém ainda não li o primeiro livro. Conhecendo sua opinião, não restou duvidas que preciso começar logo essa leitura. Obrigada pela dica, vou tentar lê-los em breve.

    Bjos
    https://historiasexistemparaseremcontadas.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Eu acho que a gente está sendo muito paciente com esta trilogia que vamos combinar, poderia ser lindamente um livor só. Eu li os dois primeiros e curti o ritmo da história e estou curiosíssima pela conclusão, mas me sinto enganada pela editora por enrolar tanto para publicar um livor de cento e poucas páginas.
    beijos

    ResponderExcluir
  5. Duas autoras maravilhosas juntas só pode render coisa boa, rsrs, que bom saber que curtiu a leitura desse segundo volume, é uma trilogia que tenho vontade de ler (se não me engano, parece que por questões contratuais uma das autoras só podia escrever séries com outra autora e não livros únicos, um negócio assim).

    ResponderExcluir
  6. Olá!
    Quando fiz a leitura desse livro confesso que achei o enredo bem confuso, mas os mistérios envolvendo Silas e Charlie é interessante, porém não gostei do desfecho. Achei meio forçado termos três livros, poderia ter sido um livro apenas. A história dos personagens tem uma pegada mais no estilo da Tarryn e senti a CoHo meio coadjuvante pela forma como escreve.
    Certamente é uma leitura que não gostaria de realizar novamente, mas que bom que você curtiu a trama.

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir

TOPO