04 abril 2019

Resenha: Garotas de Neve e Vidro - Melissa Bashardoust

em 04 abril 2019

13 comentários
Mina é filha de um mago cruel e sua mãe está morta. Aos dezesseis anos, seu coração nunca bateu apaixonado por ninguém – na verdade, ele jamais bateu de forma alguma, e Mina sempre achou esse silêncio normal. Ela nunca suspeitou que o pai arrancara seu coração e, no lugar, colocara um coração de vidro. Então, quando Mina chega ao castelo de Primavera Branca e vê o rei pela primeira vez, ela cria um plano: ganhar o coração dele, tornar-se rainha e finalmente conhecer o amor. A única desvantagem desse plano, ao que tudo indica, é que ela se tornará madrasta. Lynet tem quinze anos e é a imagem de sua falecida mãe. Um dia, ela descobre a verdadeira razão disso: a partir da neve, um mago a criou à semelhança da rainha morta.

Mas, apesar de ser a projeção visual perfeita da falecida rainha, Lynet preferiria ser forte e majestosa como sua madrasta, Mina. E Lynet realiza seu desejo quando o pai a torna rainha dos territórios do sul, tomando assim o lugar de Mina. A madrasta, então, começa a olhar para a enteada com algo que se assemelha ao ódio, e Lynet precisa decidir o que fazer – e quem quer ser – para ter de volta a única mãe que de fato conheceu... ou simplesmente vencer Mina de uma vez por todas. Garotas de Neve e Vidro traça a relação de duas mulheres fadadas a serem rivais desde o princípio – a não ser que redescubram a si mesmas e deem novo significado à história que lhes foi imposta.

Este aclamado reconto feminista do clássico Branca de Neve nos leva a um mundo singelo e, ao mesmo tempo, maravilhoso – como nos contos de fadas. Uma releitura contemporânea para mantê-lo sempre atual e presente.




Ficha Técnica Da Obra
Páginas: 424 | Ano: 2018 |  Idioma: Português | Editora: Plataforma21  | ISBN:  9788592783655 | Gênero: Fantasia; Ficção; Jovem adulto; LGBT; GLS; Literatura Estrangeira | Livro de acervo pessoal da blogueira  | Skoob

Compre: AMAZON  ♥SUBMARINO AMERICANAS 
"Você vai encontrar algo que seja apenas seu. E, quando encontrar, não deixe que ninguém o tire de você."
Garotas de Neve e Vidro foi uma leitura muito gostosa que me tirou da ressaca literária e me deixou encantada com a sororidade presente em uma história que tinha tudo para falar mais uma vez sobre ódio de madrasta x enteada. 

Aqui vamos conhecer duas mulheres: Mira e Lynnet, duas jovens que foram unidas por algo muito maior que elas esperavam. Mira era uma jovem órfã que morava reclusa no Sul com seu pai, o mago Gregory. Por ser filha de um mago ela cresceu sem amigos, pois os moradores da vila não deixavam seus filhos se aproximarem de alguém tão ruim. Quando seu pai volta de mais uma de suas viagens lhe é revelado algo sobre sua essência, e que ela terá que abandonar sua vida ali no Sul para morar no Norte, uma terra amaldiçoada por uma neve constante, e que possui um Rei que acabou de perder a amada esposa no parto de sua primogênita Lynnet.

Lynnet cresceu a sombra de sua mãe morta, criada para ser igual a mãe e seguir seus passos, ela nunca teve a chance de ser livre, de brincar sem se preocupar, de se aventurar ou fazer qualquer outra coisa igual as meninas de sua idade. O destino dessas duas mulheres se une quando Mira casa-se com o Rei, tornando-se a madrasta de Lynnet. Mas todo esse relacionamento cresce à sombra da falecida Rainha, como pode surgir algum amor com uma lembrança e rancores tão grandes assim?

"Duas garotas de neve e vidro que eram mais do que suas origens, duas rainhas que tinham se juntado para enfrentar o mundo.”

O livro trás a história de mulheres fortes, perspicazes, que estão em uma situação complicada, unidas por uma magia muito mais forte que imaginam elas foram colocadas como rivais, madrasta e enteada, ao lado de um rei que só consegue enxergar a sua falecida rainha em todos os cantos, inclusive na filha que faz de tudo para não parecer com a mãe morta.

Confesso que achei algumas reviravoltas bem previsíveis, mas ainda assim foi uma boa leitura, que quebrou aquele típico clichê de rivalidade entre madrasta e enteada, mostrando que mesmo quando tudo conpira para ele acontecer, ainda existe a possibilidade de haver um amor verdadeiro de mãe e filha, de amigas, ao invés da típica rivalidade entre mulheres.

O livro também trás uma pitada de 'O Mágico de Oz', pois mostra que não precisamos de um coração para amar, para sentir, o amor é algo invisível aos olhos e está presente ao nosso redor a todo momento, mesmo quando não percebemos.

O livro também tem personagens secundários muito interessantes como o Caçador, a Médica que chega a cidade, e até mesmo o Rei. Todos são muito bem construídos e acrescentam bastante à trama, tirando um pouco o foco dos personagens principais. 

Para quem está a procura de uma fantasia leve e repleta de sororidade recomendo muito esse livro, é uma leitura gostosa e que com certeza vai fazer você querer outras releituras de contos de fadas.



13 comentários:

  1. Gente, eu adorei! Apesar da sua nota ser média, o livro me despertou muita atenção, principalmente quando você aborda sobre "branca de neve" e "magico de oz". Aliás, as protagonistas parecem fortes mesmo! Quero muito ler.

    Beijos,
    Blog PS Amo Leitura

    ResponderExcluir
  2. Não conhecia o livro, e admito que não é bem o meu género literário, mas até fiquei curiosa!
    Beijos

    http://a-lilianaraquel.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Oi!
    Adorei essa capa, não conhecia o livro nem a autora, mas me encantei com o enredo. Parece bem um conto de fadas mesmo com magia e fantasia, parabéns pela resenha fiquei curiosa sobre o desenrolar da trama e também em saber se as duas conseguem chegar a um acordo mútuo. Obrigado pela dica, bjs!

    ResponderExcluir
  4. Olá!

    Para quem gosta de fantasia, esse livro pode ser bem interessante. Eu adoro releituras de contos de fadas, é sempre bom ver a história de um modo diferente e por outro ponto de vista.
    Mas confesso que além de ter achado a história bem "estranha", ela não me chamou nem um pouco a atenção. Uma pena, já que a capa me ganhou de cara, essa edição é maravilhosa!

    ResponderExcluir
  5. Oi Aline.

    Eu não tinha praticamente nenhuma informação sobre este livro e pela sua resenha, parece ser uma história interessante. Especialmente por você mencionar que contém mulheres fortes e perspicazes na trama, isso chamou atenção. O livro entrou na lista de desejados.

    Bjos
    https://historiasexistemparaseremcontadas.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. Olá,
    Quando comecei a ler a sua resenha, achei que a história poderia ser bem interessante.
    Eu adoro releituras e fantasia, então poderia ser uma boa pedida.
    Uma pena que ele não foi tão incrível assim e só mereceu 3 estrelas! Rs...
    beijos
    Camis - blog Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir
  7. Esse livro parece bem interessante, achei bem distante de muitos estilos que li, foge do enredo 'normal' e nos mostra uma visão bem diferente de um conto junto da realeza...Achei realmente interessante, obrigada pela ótima resenha ♥

    Beijos!

    ResponderExcluir
  8. Olá!!!
    Assim que estava lendo a sinopse fiquei falando: "Isso é tão cara Branca de Neve" e não é que assim que terminei de ler a própria sinopse me confirma isso.
    Eu gosto de releituras dos contos de fadas e como elas são construídas e trazidas para nossos tempos.
    Gostei que aqui tem sonoridade entre as personagens e não minto que achei essa capa belíssima.
    Adorei a resenha!!!

    lereliterario.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Olá, tudo bom?
    Eu adoro uma boa releitura de contos de fadas, então, só por isso esse livro já havia chamado minha atenção. Saber que ele ainda dá uma desconstruída na história, para abordar a sororidade e o fim dessa rivalidade entre mulheres que a história apresenta, só me deixou ainda mais curiosa para conferir! Dica mais que anotada! ♥
    Beijos!

    ResponderExcluir
  10. Olá!
    Apesar de você não ter dado nota máxima, gostei bastante dos temas abordados. Um pouco de tudo pelo visto. Além da fantasia, quem disse que não podemos ter personagens fortes e muita representatividade né, contos de fadas e essa capa está uma coisa linda de se ter na estante.
    Vou anotar essa dica pra conhecer em breve.

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
  11. Não conhecia essa obra, mas fiquei com muita vontade de ler a trama, pois parece ser um enredo intenso e surpreendente. Gostei demais dessa premissa e não posso encerrar meu comentário, sem dizer que essa capa é belíssima!!!

    ResponderExcluir
  12. Oi Sabrina,
    Pela sua resenha, esperava uma nota melhor, mas eu entendo. Tem livros que a gente gosta, mesmo não sendo grandes obras. Eu costumava confundir esse livro com Filha das Trevas, de Kiersten White, também publicado pela Plataforma 21. Obrigado por me apresentar melhor essa fantasia baseada em Branca de Neve.
    Beijos,
    André | Garotos Perdidos
    www.garotosperdidos.com

    ResponderExcluir
  13. Oie,
    gostei do enredo em si, só nao curti saber que as reviravoltas eram previsíveis, perde a graça quando você já percebe o que vai acontecer. Ainda bem que o livro foge do velho clichê e traz uma versão mais profunda da mocinha e da Vilã. Anotei a dica e vou conferir.

    ResponderExcluir

TOPO