Resenha: A Máscara de Prata (Magisterium # 4) - Cassandra Clare & Holly Black

10 comentários

O quarto volume da série Magisterium, uma saga de cinco livros de fantasia co-escrita pelas autoras best-sellers Holly Black e Cassandra Clare.

S série é uma fantasia urbana, onde um universo de magia coexiste com nosso mundo. Neste quarto livro da saga, Black e Clare nos levam para além do domínio dos vivos em uma viagem em direção aos perigos da morte.
Agora Call é um dos mais temidos estudantes da história do Magisterium, conhecido como o Inimigo da Morte, o Suserano do Mal, considerado culpado pela morte do melhor amigo e estopim de uma constante ameaça de guerra. E quando ele é libertado da prisão por aliados improváveis, interessados em seu poder sobre a magia do caos, ele se vê envolto em uma trama de mentiras e intrigas, e precisa decidir o que fazer com o próprio poder.


Essa resenha contém spoilers dos livros anteriores 

"No Magisterium, Call sabia diferenciar certo de errado; mesmo que nem sempre escolhesse a coisa certa. Na prisão, tudo pareceu lhe escapar." 

CARALHOOOOOOO 
SABRINA ESTÁ DESMAIADA COM ESSE FINAL

Magisterium tem um grande problema: os finais são épicos demais e não tem o livro seguinte em mãos para continuar essa história. Nosso coração fica em pedaços ao final de cada livro, e a gente só vai saber o desfecho daquelas cenas um ano depois, quando as autoras lançam a continuação e a Galera record publica por aqui. 

Eu fiquei desesperada quando acabei A Chave de Bronze, porque caraca o final é desesperador. Mas meus amigos, nada me preparou para o final de A Máscara de Prata e todas as teorias que estão sendo criadas em minha mente nesse momento, teorias que só serão postas a prova no final do ano, e eu não sei se meu coração consegue aguentar até lá para descobrir o final da história de Call. 

O Livro já começa emocionante, Call está preso pela morte de Aaron e por ter dito em alto e bom sol que carrega a alma de Constantine em si. Os magos não sabem o que fazer com ele, dia a dia fazem interrogatórios e o acusam de estar mentindo, de estar escondendo a alma de Constantine para 'se livrar' do que fez. Meses se passam e ele não tem nenhuma visita, mas de repente quanto a investigação acabou ele é sequestrado por Mestre Joseph e Anastácia, eles tem grandes planos para Call, incluindo reviver uma pessoa morta, algo que Constantine estava quase conseguindo antes de morrer. 

Mas se Call fizer isso ele definitivamente se tornará um Suserano do Mal, o Inimigo da Morte, e com certeza a Assembleia não o perdoará. Mas como se livrar das garras de Mestre Joseph sem ferir seus amigos? E como deixar pra trás aquele que o mestre quer que ele ressuscite? 

"Ela poderia ter salvado qualquer um dos dois e escolheu Call. Ninguém em sã consciência o escolheria."


Apesar de esse livro estar bem menor que os outros A Máscara de Prata continua sendo um livro incrível, com a história na velocidade certa e cheia de mistério e ação, coisa que Cassanda Queen Claire sabe comandar muito bem.

Com a perda de Aaron, Call ficou meio desequilibrado, afinal ele era seu contrapeso para o caos, seu senso de moral e agora ele tem cada vez mais medo de estar se tornando Constantine Maiden, ainda mais rodeado pelos caóticos que ele transformou e pelas ideias malucas de Mestre Joseph.

O livro tem um ritmo incrível, você não sabe o que esperar, principalmente sobre a missão de Mestre Joseph para Call, algo que pode transformá-lo no Inimigo da Morte que a Assembleia tanto temeu. E como os personagens precisam estudar as anotações de Constantine para aprender mais sobre o que ele estava fazendo, entendemos muito mais esse personagem que é tão temido por todos na história, vemos as coisas que ele fazia com seu - tão amado - irmão e como ele realmente era um louco obcecado pelo poder.

Eu achei incrível o rumo que a história tomou, como disse lá pela primeira resenha, o mais legal dessa série é que os personagens são pré-adolescentes e as autoras conseguem dar essa característica à série, eles fazem coisas idiotas, tem medos bobos e arrumam soluções inovadoras para os problemas que surgem, ações que demonstram realmente a sua idade, mostrando que por mais poderoso que um jovem de 15 anos seja, ele ainda tem 15 anos e pensa como tal.

E é por isso que eu amo tanto o Call, ele é engraçado, faz piadas bobas e é extremamente inseguro quando se trata de seus sentimentos por Tamara. Vemos seus medos em se transformar no Constantine e ficamos com medo também depois que descobrimos tudo que ele fez, e a garra e lealdade de Call pelos seus amigos com certeza fazem com que ele seja um personagem verdadeiro, que demonstra ser diferente de tudo que Constantine sempre foi.

Mas o que prende mesmo nesse livro são os acontecimentos do final do livro, gente, quando as coisas finalmente começam a acontecer a minha boca foi lá no chão. Eu não conseguia mais largar esse livro e tudo que conseguia pensar era: "Socorro, o que vai acontecer agora?" E não me decepcionei nem um pouco com o rumo que a história tomou. As autoras souberam dosar o mistério, a ação e não deixaram as cenas extremamente carregadas, tudo ficou na medida certa: a do desespero ao terminar e ver que não tem ainda o próximo livro disponível hahahah.

O próximo livro será o fechamento dessa série, e como disse minha cabeça já está a mil bolando várias teorias do que vai acontecer e de como os personagens vão lidar com tudo isso. Se você gosta de uma fantasia mais juvenil cheia de ação e mistério, eu continuo recomendando de olhos fechados Magisterium, os personagens são cativantes, tudo é na medida certa na série e os finais são épicos. Mas aconselho vocês esperarem o último livro porque essa série é daquelas que a gente tem que maratonar todos de uma vez, porque você termina um livro em um dia, e já quer pegar o outro pra continuar esse babado.

"Mas sua alma, essa alma inquieta, jamais foi feita para ter paz, Con. Ela foi feita para ter poder. Você é poderoso. Não pode simplesmente desistir deste poder. O mundo não permitirá. Não permitirá que você se esconda por medo de se ferir. No fim, pode ser que você chegue a essas duas opções> governar o mundo ou ser esmagado por ele."


10 comentários

  1. Olá! Tudo bom?
    Não sabia que a série era uma fantasia urbana, achei que era só fantasia e deu, hahaha.
    Quero muito ler os livros, e ver sua resenha tão empolgada me deixa ainda mais animada.
    Eu adoro livros mais jovens assim.
    Acho as capas tão lindas!
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  2. Olá, tudo bem?
    Eu ainda não li essa série e confesso que não tinha muita curiosidade por serem livros mais juvenis. No entanto, lendo a sua resenha percebi que esses livros têm alguns elementos que fizeram com que eu me apaixonasse pela escrita da Cassandra Clare quando li Os Instrumentos Mortais. O ritmo intenso e essa questão de não sabermos o que vai acontecer, além dos finais que nos deixam desesperados pela continuação são características dos livros da Cassandra Clare e isso me anima muito a dar uma chance para esta série.
    Adorei sua resenha e fico feliz que tenha gostado da leitura. Espero que o último livro seja tão incrível quanto os outros foram e que o final atenda às suas expectativas. Com certeza, a dica está anotada e espero poder começar a ler em breve.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  3. Oi.

    Eu tenho muita vontade de ler essa série, mas preciso comprar todos os livros primeiro. Antes eu achava que não era muito Boa, e tinha medo de acabar não gostando. Mas conforme eu lia as resenhas, acabei mudando de ideia.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  4. Olá!
    Eu não dou conta com esses livros dessa autora. Ela tem muitos livros lançados e eu morro com esses enredos. Pelo visto a leitura é incrível e sua resenha me deixou com muita curiosidade para conhecer as histórias e aventuras desses personagens.
    Beijos!

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
  5. Oie!

    Notei que várias pessoas que leram gostaram dessa série, mas comigo infelizmente ela não funcionou, eu tentei ler o primeiro volume e simplesmente não saia do chão a leitura empacou e fiquei presa lá, até que me obriguei a abandonar a leitura, fico feliz que tenha gostado, mas eu passo a dica!

    bJSS

    ResponderExcluir
  6. Oie !
    Eu preciso voltar a ler essa série. Só li o primeiro livro, mas não ome lembro de todos os detalhes.
    Vou pegar todos os livros publicados e ler em sequencia, assim posso saber tudo o que está acontecendo na trama.
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  7. Oi Sabrina, como está?
    Dei uma boa lida nas resenhas anteriores a essa e achei a ideia da série como um todo MUITO BOA! Sou chegada numa fantasia e se tiver algum realismo, gosto ainda mais porque acho importante os personagens parecerem conosco nem que seja só um pouco. Que venha o último livro e a resolução da trama!
    Abraços e beijos da Lady Trotsky...
    http://www.galaxiadeideias.com/
    http://osvampirosportenhos.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Eu confesso que não tenho muito interesse nesta série, mas uma coisa na sua resenha me chamou a atenção e foi o fato dos personagens serem adolescentes e em função disso, cometerem erros sim. Acho que isso dá muita consistência ao enredo. Fiquei com uma pontinha de curiosidade.
    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Eitaaaa, ja quero essa serie! Nunca ouvi falar sobre ela, acredita? Que louco né? Adoro livros assim, fiquei desse jeito com Orfanato da sra. Peregrine! Amei a resenha!!

    ResponderExcluir
  10. Oi, tudo bem?
    Eu sou bem fã da Cassandra, mas não me animei nem um pouco de ler essa série. Não sei porque. Não sou fã de fantasias, mas leio as histórias da Cassandra. Ou porque a história mesmo não me atraiu. Mas a sua resenha me fez crer que posso colocar essa série como leitura compartilhada com as minhas sobrinhas! Beijos

    ResponderExcluir