25 janeiro 2018

Resenha: Mente (Trinity # 2) - Audrey Carlan

em 25 janeiro 2018

10 comentários

Este segundo volume da série Trinity mergulha mais fundo no coração e na mente de Gillian e de seu assediador, por meio de ambos os pontos de vista. Da autora de A garota do calendário

Gillian está radiante com sua aliança de noivado. Em breve ela vai se casar com o bilionário e sedutor Chase Davis. Mas é difícil manter a alegria quando tem um maníaco atrás dela. Enquanto Chase e Gillian planejam o casamento, o perseguidor elabora seu plano de vingança. A princípio Gillian não dá tanta importância às ameaças desse homem — que ninguém sabe quem é —, até ele tomar uma atitude extrema que vai deixar o casal e seus amigos arrasados. Será que Chase vai conseguir usar todo o seu poder e dinheiro para proteger Gillian desse lunático? Talvez seja tarde demais para perceber o perigo mortal que ela está correndo... Com flashbacks perturbadores do passado de Gillian e a tragédia que esse homem misterioso traz para o presente, o leitor será cada vez mais atraído por esta história sombria, erótica e eletrizante.

*E-book de acervo pessoal da blogueira*



Olá Leitores!

Hoje trouxe pra vocês a resenha do segundo livro da série Trinity, para conferirem a resenha do primeiro é só clicar no link abaixo

Resenha: Corpo (Trinity - #1) – Audrey Carlan

O segundo livro com certeza me deixou bem aflita, o casal está se preparando para o casamento, porém o assediador de Gillian esta aterrorizando a vida dos amigos de Gillian de todas as formas mais cruéis.

“...todas as lindas imagens olham para mim. Gillian, praticando ioga,andando pela rua,treinando na academia, almoçando com o Davis. Rasguei a cara dele na foto e coloquei a minha no lugar. Vai ser tão bom destrui-lo”.


Chase continua mais dominador e autoritário como nunca, ele dá as ordens e todos obedecem como deve ser. Ele não mede esforços para socorrer Gillian e seus amigos que agora também são seus.

“ Recentemente Chase avisou que vai mudar meu gurda-roupa inteiro. No inicio fiquei chateada que ele opinasse sobre minha maneira de me vistir, mas ver o entusiasmo dele ao falar com sua assistente sobre o que queria que fosse comprado, me fez me sentir amada,cuidada...especial”.



Gillian tem sido tão forte quanto se pode ser em um caso onde seu assediador não dá folga, sua futura sogra esta afiada contra ela e devido a tanta pressão que ela está passando os flashbacks do seu passado vem a tona, deixando-a ainda mais perdida. Ela esta de volta a terapia e tudo o que ela esta passando deixa uma sensação de desespero no leitor, principalmente porque ela não tem um minuto de paz, sempre surge mais problemas para ela resolver, principalmente envolvendo a sua -nada doce - sogra.

O livro narrado em primeira pessoa, pela Gillian, agora é alternado com as narrações do assediador, que conta seus plano mais sórdidos. Ele tem se mostrado um psicopata dos mais cruéis e perigosos, deixando todos em terror constante.

O livro continua bem erótico, com narrações apimentadas do casal, eles não tem pudor nenhum na hora de buscar prazer, então os leitores que gostam de um livro mais quente vão se deliciar nessas cenas apimentadas, principalmente porque com tanta pressão na vida dos dois, ambos acabam buscando refúgio e alivio no sexo.

As amigas de Gillian terão fundamental participação durante todo o livro, elas são personagens secundárias que de forma alguma ficam em segundo plano durante todo a história, deixando o livro com um conteúdo mais interessante além dos momentos de intimidade do casal protagonista.

“ Ele poderia criar caso para tomar conta da filha do meu amigo no fim de semana, mas em vez disso transforma tudo em aventura, se compromete de corpo e alma e tudo indica que até gosta. Isso só prova que por trás da natureza severe, autoritária e controladora, existe um homem gentil, delicado e interessado”.

A série trata de forma tão profunda o tema da violência contra a mulher que nos deixa bem desconfortável com as narrações, são cenas pesadas onde Gillian sofre muito abuso físico e sexual, é nauseante ler a narração e não se indignar que isso realmente acontece no mundo todo, milhares de mulheres passam por isso todos os dias e muitas não conseguem sair de relacionamentos assim. É cruel ler algo que você sabe que é tão real.

“ele me arrastou para o outro banheiro, bateu minha cabeça no azulejo e me amordaçou com um bolo de papel toalha, para eu não gritar”.

Audrey Carlan é rainha em nos deixar presos a história de forma que você precisa ler mais um capitulo e quando menos percebe o livro de quase 300 páginas já acabou. E é claro que esse livro tem um gancho surpreendente para o próximo livro, de modo que terminamos esse loucos para ler o próximo logo em seguida, e com certeza em breve farei essa leitura também. 



Mente segue o mesmo padrão do primeiro livro, Corpo e consegue nos deixar presos nas páginas, torcendo para que o casal finalmente possa ter um descanso e que os vilões parem de os amolar rsrs. É um livro empolgante, cheio de ação e reviravoltas, e é claro muitas cenas eróticas que são capazes de fazer corar até o leitor mais experiente nesse gênero. Dei 5 estrelas para esse livro, e já estou louca para ler o próximo pra ontem rsrs

Resenha em vídeo do primeiro livro ( clique aqui)

                                              


10 comentários:

  1. Olá!


    Confesso que me coloquei no lugar da personagem: você estar noiva e um outro cara perseguindo?
    Mas apesar de achar uma história relevante para os dias de hoje, não é o tipo de leitura que faria no momento. =*

    ResponderExcluir
  2. Oi Keyla, tudo bem?
    Eu não sou leitora frequente do gênero, mas acho interessante retratar abusos nos livros, sendo que acontece com tanta frequência e nem deveria existir. Enfim, acredito que uma pessoa que vive com situações como essa é difícil seguir em frente, principalmente quando tudo volta a mente dele. Bem relevante o tema, provavelmente lerei.
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Olá Keyla,
    Eu ainda não deu andamento na leitura dessa série, porque o primeiro livro me decepcionou demais com a dominação dele em relação a Gillian, apesar de ter curiosidade de ver quem é esse assediador. Eu gostei das suas impressões e achei bacana você ter curtido, mas achei péssimo o Chase está mais controlador do que nunca.
    Acho que vou precisar me arriscar em ler.
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Olá!! :)

    Eu confesso que não conhecia este livro mas ainda abem que goataste de fazer a leitura!! :) Fiquei bem curioso com a leitura!!

    Mesmo não sendo muito o meu género de leitura habitual, acho ótimo que tenhas ficado presa ao livro e que ele esconda um gancho que leva a leitura do próximo livro!!

    Boas leituras!! ;)
    no-conforto-dos-livros.webnode.com

    ResponderExcluir
  5. Oi amada!

    Saudades de uma leitura assim, faz tempo que não pego um erótico nesse estilo que me deixe louca!
    Adorei a dica e bela resenha!

    Paula Juliana
    Overdose Literária
    https://overdoselite.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Olá linda,

    Eu gosto de livros hot, porque tem mais fluidez e envolvimento do casal principal.
    Algo que me deixou com o pé atrás com essa série é o nível de descrição de violência e o alto controle de Chase com tudo e todos. Isso me deixa muito irritada e acaba influenciando minha visão do personagem.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  7. Oi Keyla, não li nada dela ainda, apesar de ter muita curiosidade de conhecer a escrita dela, ainda mais quando falam que ela sabe prender o leitor com seus enredos. Espero que o próximo livro seja bom como este.
    Bjs, Rose

    ResponderExcluir
  8. Oie Keyla! Esse não é o tipo de livro que eu me interesso, mas tenho amigas que estavam ansiosas por essa nova série da autora. Que bom que você gostou tanto!

    ResponderExcluir
  9. Olá
    ando fugindo bastante de livros que contem mais que um volume, ainda não conhecia essa série mas bem legal o enredo, porém não sei o quanto faz meu gênero, mas foi impossível não lembrar de uma amiga que vai amar, então indicarei a ela

    beijos
    http://www.prismaliterario.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Oiii flor, tudo bem??
    Não gosto muito do gênero então até o momento eu ainda não li nenhum livro da Audrey mas sempre escuto falar coisas coisa boa sobre a escrita dela, já que minha amiga gosta muito dela. Dessa forma, passarei a sua dica para ela! :)

    ResponderExcluir

TOPO