Resenha: Mister O - Lauren Blakely

5 comentários
resenha mister o  (1)

Nick Hammer tem a vida que todo cara sempre sonhou: dinheiro e mulheres lindas aos seus pés, que não esperam nada em troca além do melhor sexo de suas vidas. E tudo isso graças ao seu personagem, Mister Orgasmo, que saiu das páginas dos gibis para ganhar um programa na televisão. Agora Nick se tornou o mentor sexual de homens ao redor do mundo e o objeto de desejo de todas as mulheres. Para para Nick, e seu alter ego Mister O, a receita é simples: dar prazer, sempre!
Mas tudo isso pode estar em risco quando um pedido acontece. Harper, A irmã de seu melhor amigo, Spencer Holiday, também quer aprender as valiosas lições de Nick e Mister O. Harper é divertida, inteligente, linda e irresistivelmente sexy. E lutar contra o desejo de ter ela em sua cama será o pior pesadelo de Nick. Mister O vai conseguir “salvar” essa mocinha e ainda não ferrar a relação com o seu melhor amigo? Um romance divertido, leve, sexy e que vai arrancar suspiros dos leitores. Afinal, não dizem que o amor e a amizade andam lado a lado? Talvez eles até possam dormir na mesma cama.



editora
Quando conhecia a escrita da Lauren Blakely com Big Rock eu adorei o livro nos mínimos detalhes, foi uma leitura extremamente quente e absurdamente divertida porque Spencer tem um ego enorme (tem outra coisa enorme também, mas vamos deixar isso pra depois hahaha) e isso acaba sendo hilário ao invés de ser chato e cansativo.

Quando Nick Hammer apareceu no primeiro livro eu logo fiquei curiosa com ele, afinal seu programa se chama Mister Orgasmo, então já estava esperando um livro mais quente e uma treta enorme porque namorar a irmã mais nova do melhor amigo nunca é algo fácil. Mas quando eu li este livro me surpreendi tanto, e adorei muito mais que o primeiro, então vamos lá a uma resenha bem sincera e puxa saco dessa série maravilhosa, quente e engraçada.

Beijar nunca foi assim. Nunca foi tão bom, tão intenso. Sinto-me embriagado por ela, inebriado por seu sabor, sua língua, sua boca, essa doçura.
resenha mister o  (3)

Nick Hammer é o grande criador do Mister Orgasmo, um super herói que tem a missão de salvar as garotas e dar a elas incríveis orgasmos. O seu programa animado é um sucesso, tanto para o público mais ‘jovem’ e entre os adultos, e os lançamentos dos seus livros também são muito populares, principalmente entre as mulheres que sempre querem tirar uma casquinha.

Ele não está a fim de namorar, principalmente as suas fãs que só estão interessadas nele por causa de seu personagem. Mas a única fã que ele mantém uma paixão platônica é Harper Holiday, a irmã mais nova de Spencer, seu melhor amigo e que é super protetor com a irmã, mesmo ela já sendo uma adulta, então ela é território proibido.

Porém ele não contava que Harper iria precisar de sua ajuda para aprender a namorar, ela é péssima no assunto, toda atrapalhada, não sabe o que falar, não sabe como agir e nunca repara quando o cara está afim dela. É claro que ele irá ajudar ela, na teoria… Mas será que essa ajuda não irá passar para a parte prática também? Seria isso uma boa ideia?

Porque em seus olhos eu vejo tanta vontade, tanto desejo, tanto de tudo que almejei dessa garota, tudo de que vi lampejos nas últimas semanas. Eu a quero para sentir tudo isso. Pra experimentar cada segundo desse momento antes de beijá-la.
resenha mister o  (6)

Sinceramente: EU AMEI ESSE LIVRO! Quando eu comecei a ler Mister O não imaginei que seria uma leitura tão incrível e quente como foi, estava esperando algo mais engraçado na vibe de Big Rock, mas Nick, Nick…. Não é a toa que seu personagem se chama Mister Orgasmo.

Adoro romances que partem da amizade, e o que surge entre Nick e Harper é bem isso, de uma maneira bem legal e nada ‘inocente’ afinal eles vivem trocando comentários de duplo sentido e são bem soltos um na frente do outro já que se conhecem desde pequenos. Mas é claro que já existe um sentimento proibido em ambos, e ver eles travando toda uma batalha interna pra se soltar é a parte engraçada (e quente) dessa história.

O livro é todo narrado por Nick e ele não tem um ego tão grande como o de Spencer, mas ainda assim é uma narração bem engraçada porque ele tem toda essa vibe de ‘deus do sexo’ por causa de seus quadrinhos, mas por trás de toda essa máscara ele é um cara bem humilde e amigo, e ver toda esse seu lado é impossível de o leitor não se apaixonar por ele.

Já Harper, é muito bom conhecer um pouquinho mais sobre ela, que apareceu várias vezes no livro do irmão. Ela é muito engraçada, atrapalhada e ama seu emprego que não é nada convencional pois nunca vi nenhuma mágica em um livro. Ver como ela gosta de fazer seus truques, como ela brilha quando fala sobre isso, e é mais legal ainda ver como Nick também adora a profissão dela.

resenha mister o  (4)

O romance entre eles não acontece da noite pro dia e sim vai se desenvolvendo gradativamente durante a história. É muito bom acompanhar todo esse clima de tensão sexual entre eles, ver a Harper ir desabroxando e se abrindo mais para esse romance, assim como Nick que vai deixando um pouco de lado o medo de Spencer descobrir e matar ele.

O caminho desse romance é completamente quente, sério, o Mister Orgasmo aí sabe muito bem como agradar uma mulher, e Harper não é nada bobinha não, sabe exatamente o que quer e está muito disposta a aprender novas técnicas com o professor Nick. Então – alerta de ventilador durante a leitura – porque você vai pegar fogo junto com Harper, e sonhar com um Nick só pra você rsrsrs

Seus ruídos me fazem desejá-la ainda mais e eu não achava que fosse possível ansiar tanto por uma pessoa.
resenha mister o  (5)

Ah, e eu não podia de maneira alguma deixar de citar que vamos conhecer nesse livro um pouquinho o protagonista de um  próximo livro da série, que é ninguém menos que o irmão de Nick, que tem um ego,nome e humor tão peculiar quanto os outros mocinhos que já conhecemos e adoramos.

A diagramação da Editora Faro mais uma vez está linda. Toda essa textura de jeans na capa, contra capa e nos capítulos ficou muito especial e combinou direitinho com a história. Além de as mensagens calientes que os personagens trocam tem uma diagramação diferente e fácil para o leitor identificar.

Isso pode ser uma nova linha divisória em minha vida. Não há nenhuma possibilidade de eu voltar atrás e não ter conhecimento dessa predileção loucamente excitante da Harper. Não posso voltar a um momento da minha vida em que não pensasse no que seria fazer isso com ela. Com essa mulher, que é bastante corajosa pra me dizer que não sabe o que os homens querem e também para me mostar o que ela quer.
resenha mister o  (2)

Mister O é mais um romance quente e hilário dessa série, para quem já leu Big Rock vai ser ótimo acompanhar mais um pouco do primeiro casal e conhecer mais profundamente Nick e Harper. Eu adorei cada página desse livro, devorei em questão de horas e quando acabei já estava sedenta por mais, afinal Lauren Blakely tem um jeito único de cativar o leitor, e ela com certeza me pegou de jeito!

Ps: Participem do sorteio


                              favoritohot

5 comentários

  1. Eu fico me perguntando, pq eu ainda não li, romance hot são o meu gênero favorito, e to louca pra ler Mister O e Big Rock, amei tua resenha, e sinceramente só me deixou com mais vontade ainda de ler.
    😍😍😍

    ResponderExcluir
  2. Ainda não li o Big Rock da autora, e agora me aparece esse. Minha lista só tá ficando cada vez maior. Mas vamos a história: gostei do enredo e pelo pouco que li aqui em sua resenha e em uma outra, a história é bem envolvente e prende a sua atenção. Gostaria muito de ler.

    ResponderExcluir
  3. Gostei muito da resenha. Vou comprar esse livro.
    Parabéns pelo teu trabalho Esse blog é show! Dieison Engroff, do Rio Grande do Sul.

    ResponderExcluir
  4. Adoro os livros de Lauren Blakely!
    Estou louca para ler Mister O.
    A resenha só me fez ficar ainda mais curiosa!

    ResponderExcluir
  5. Caraca, eu preciso mesmo desse livro... obrigado pela resenha, e pelo jeito vou ter que comprar não só um livro mas sim 2 kkkk e esperar pelo terceiro 😄😄😄😄😄

    ResponderExcluir